Diretor do Presídio Advogado Nilton Gonçalves desmente boatos sobre saída de presos no Carnaval

Em entrevista a MEGA RÁDIO, o diretor afirmou que "não existe saidão, não existe saída temporária no período de carnaval. Nunca foi cogitado isso, não há planejamento para isso"

Por Joabson Silva

O diretor do Conjunto Penal Advogado Nilton Gonçalves,  Alexsandro Oliveira Silva, desmentiu as notícias veiculadas na mídia que afirmavam que mais de 200 detentos da unidade penal sairiam no período de Carnaval.

Em entrevista a MEGA RÁDIO, o diretor afirmou que "não existe saidão, não existe saída temporária no período de carnaval. Nunca foi cogitado isso, não há planejamento para isso".

Ele destacou que há um benefício para os presos que estão finalizando sua pena. "O que nós temos é uma saída temporária que é benefício para os presos que estão terminando a sua pena e que cumpriram os requisitos. Hoje, pela tríagem,cerca de 210 presos tem esse direito, nos anos anterirores a gente estabelecia datas cívicas ou datas mais ligadas a família como o natal, dia de finados, sete de setembro, que permitiam que eles saíssem (aqueles que tem esse benefício)".

Em 2020, o método foi alterado, o número total foi fracionado em grupos de 30/40 presos para que não causem pânico na população.

Alex detalhou que há uma série de requisitos para o preso tenha esse benefício, que é um direito oferecido pela lei, que permite que ele passe sete dias fora do presídio. Em Vitória da Conquista, haverá um monitoramento atráves de tornozeleira eletrônica para os detentos que forem contemplados.

CONFIRA A ENTREVISTA NA ÍNTEGRA

Comentários