Adolescente é internado após inserir cabo USB no pênis para tentar medir órgão

Jovem de 15 anos, morador de Londres, teve que passar por cirurgia

Foto: Reprodução


A régua foi inventada pelo matemático inglês William Oughtred, em 1622. 4 séculos depois, um conterrâneo do pesquisador parece ter esquecido desta invenção e resolveu medir seu pênis usando um cabo USB. E pela parte de dentro.

O autor da façanha foi um adolescente de 15 anos, morador de Londres. Ele enfiou o cabo pela uretra para realizar a medição.

VEJA TAMBÉM: Netflix é processada em R$ 26 milhões; [SAIBA O MOTIVO]

Só que o cabo ficou preso e ele não conseguiu remover sozinho, mesmo após várias tentativas. 

O maior problema, no entanto, foi quando ele urinou e saiu uma grande quantidade de sangue. Preocupada, a sua família decidiu levá-lo ao pronto-socorro, conforme relato publicado na revista médica "Urology Case Reports".

Quando uma equipe no pronto-socorro também não conseguiu puxar o cabo usando ferramentas especiais, o menino foi transferido com urgência para um hospital universitário londrino, mais bem equipado, para nova avaliação do caso.

Ao chegar no hospital, ele pediu para a mãe deixar o consultório. Foi quando ele admitiu aos médicos que inseriu o cabo para medir seu pênis por curiosidade sexual.

Depois que exame de raio-X revelou o tamanho exato e a posição do cabo, o adolescente foi encaminhado para a sala de cirurgia.

Os cirurgiões cortaram os músculos ao redor do pênis e do escroto e então e removeram cabo.

Correio da Bahia

Comentários